Radio Online Rádio Villa Mix Ouça o melhor da música em nosso site!
Português Italian English Spanish

Menino raspa cabelos em videochamada para amigo internado com câncer

Menino raspa cabelos em videochamada para amigo internado com câncer


Um menino realizou um dos atos mais bonitos em apoio a seu amigo. Ele mostra uma videochamada entre dois melhores amigos, de 9 e 10 anos, um deles internado com câncer no Hospital de Amor, em Barretos, interior de São Paulo. (assista abaixo) O Davi, de 10 anos, descobriu há um mês um câncer muito raro e agressivo nas vértebras e o Heitor, de 9 anos, que está em Minas Gerais, quis dividir o sofrimento com o amigo e raspou os cabelos dele ao vivo, durante uma videochamada, para o Davi assistir e se sentir melhor. E o que acontece nesse vídeo é uma explosão de amor e emoção: “Pronto! Agora “tamu” igual… sempre a gente vai “ta” junto”, diz o Heitor, sorrindo o tempo todo durante a videochamada, enquanto o Davi chora e se desespera do outro lado da linha: “Não, para! Para! Para! Desliga! Não precisa!”, diz o melhor amigo.

Orgulho do filho

O pai do Heitor, Rafael de Moraes, de 44 anos, foi quem raspou o cabelo do filho. Ele é psicólogo em Rochedo de Minas, Minas Gerais e contou em entrevista ao Só NotíciaBoa, que não segurou a emoção durante o vídeo. “Rapaz, eu ainda choro a cada minuto que me lembro da cena, até porque houve um antes e depois. Antes o Heitor perguntou por que Deus não dividia a doença do amigo com ele, para ser meio a meio e depois de cortado o cabelo […] sou muito suspeito para falar, mas a pureza do coração e a amizade deles sempre foi muito bonita”, disse o pai. “Ele realmente é uma criança especial, coração enorme, abre mão das suas coisas, das suas dores pelos outros. Tenho muito orgulho dele”, afirmou o pai. “Eles são amigos desde a idade de 1,6 ano. Eu me sinto privilegiado por acompanhar o crescimento deles, a cumplicidade, o amor, as brigas, as traquinagens”, completou Rafael. E o menino Heitor deu toda essa prova de amor, mesmo também atravessando um momento difícil. “Ele encarou a minha separação com a mãe, a perda do nosso cachorro de estimação, mudança do conforto do seu quarto para morar comigo num quarto de 4 x 4 na casa dos meus pais… Teria tudo para estar revoltado, ou simplesmente partir para novas amizades, mas pelo contrário: mostrou lealdade ao Davi e permanece com um sorriso no rosto a despeito de tudo o que tem acontecido”, revelou o pai. Rafael contou que depois do corte de cabelo, os meninos ficaram brincando e rindo juntos. “Sem os cabelos, os dois jogaram online a tarde inteira”, concluiu Rafael de Moraes. É sobre amor entre crianças! Sobre amizade verdadeira! Heitor, obrigado por essa aula de empatia!